Você está aqui: Página Inicial > Notícias > INPI participa da entrega do prêmio Tecnologias de Impacto no Brasil

Notícias

INPI participa da entrega do prêmio Tecnologias de Impacto no Brasil

por última modificação: 23/11/2017 14h18

O presidente do INPI, Luiz Otávio Pimentel, participou, no dia 22 de novembro, em São Paulo, do "Seminário Tecnologias de Impacto em IoT - Desafios e Oportunidades" e da entrega do Prêmio Tecnologias de Impacto no Brasil.  Promovida pela Qualcomm e com apoio institucional do INPI, do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e do Tecnológico (CNPq) e da Confederação Nacional da Indústria (CNI), a iniciativa busca reconhecer inventores brasileiros de tecnologias wireless.

– O INPI apoia o Prêmio Tecnologias de Impacto e reconhece a valorização de inventores brasileiros como um estimulo a todas as atividades ligadas ao processo de inovação no Brasil, afirmou Luiz Pimentel.

A cerimônia de premiação incluiu apresentações sobre os geradores de inovação no Brasil, além de um debate sobre os desafios e oportunidades para a IoT no País. 

Com mais de 200 projetos inscritos, o prêmio foi apoiado por um road show de palestras sobre o mercado de patentes e inovação. As palestras foram assistidas por mais de 500 estudantes de 15 das principais universidades brasileiras, incluindo Universidade de São Paulo (USP), Universidade de Brasília (UNB) e Unicamp. 

Os dez vencedores participarão do programa Imersão em Ecossistemas de Inovação na Califórnia, organizado pela CNI e pelo Instituto Euvaldo Lodi (IEL). O programa acontece em fevereiro de 2018 e inclui visitas a Universidade de San Diego, Universidade de Stanford, Hampton Creek, a aceleradora Plug and Play e laboratórios e companhias de alta tecnologia.

Conheça os ganhadores

• ALTAVE: torres flexíveis em forma de balões presos no solo por um cabo, capazes de ficar até 300 metros do solo com rádios, antenas e câmeras que podem ser deslocados para diferentes regiões.

• Contextnet: é um mediador escalável desenvolvido para IoT, que utiliza o smartphone do usuário para descobrir e interagir com objetos inteligentes próximos, permitindo a criação de aplicações móveis com controle remoto e rastreamento.

• E-lastic: uma tecnologia de saúde desenvolvida para medir a carga de qualquer implemento elástico durante a prática de exercícios físicos. As informações do treino são enviadas para um app que gera gráficos que permitem o acompanhamento evolutivo.

• LYSA – Cão Guia Robô: um robô com funções similares às de um cão-guia convencional, dotado de dois motores e cinco sensores que avisam ao deficiente visual quando existem obstáculos e riscos de colisão durante seu percurso.

• Monitoramento Inteligente de Pragas Agrícolas: solução capaz de monitorar diariamente as populações de pragas agrícolas sem a necessidade de mão de obra no campo.

• Oneblue MBM: aparelho móvel de exames sanguíneos não invasivos que pode fornecer exames instantâneos de qualquer lugar que possua algum tipo de conexão com a internet.

• Oxiot: tecnologia que consiste na digitalização as informações de cilindros de oxigênio, permitindo o monitoramento do consumo de oxigênio medicinal de pacientes remotos.

• Pipeline Leak Detection and Location System: tecnologia patenteada capaz de detectar e localizar vazamentos em transporte de fluídos em questão de segundos, monitorando as características de operação padrão das ondas de pressão.

• Redução de Infecções Hospitalares: sistema de monitoramento de higiene de mãos de profissionais de saúde, com o objetivo de evitar infecções hospitalares.

• Tactile Glove: um dispositivo tátil em forma de luva voltado para a interação com objetos virtuais e reais de forma remota, sendo uma plataforma para testes de novas soluções para internet tátil.